12.09.2018

Demoday do BioStartup Lab pela 1º vez na BIO Latin America

No último dia 4 de setembro ocorreu o demoday do Biostartup Lab, evento que marcou, com sucesso, o encerramento do programa de pré-aceleração de startups. O programa aconteceu em São Paulo e, durante 10 semanas 15 startups da área de Saúde Humana e Digital Health modelaram e validaram seus negócios. O Biostartup Lab é uma iniciativa da Biominas Brasil, que nessa rodada teve como parceira a INTERFARMA (Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa) e, como apoiadores as associações: Abradimex (Associação Brasileira dos Distribuidores de Medicamentos Especiais e Excepcionais), Anahp (Associação Nacional de Hospitais Privados) e ABIMED (Associação brasileira da indústria de alta tecnologia de produtos para saúde).

 

O demoday ocorreu dentro do BIO Latim America, um dos maiores eventos do setor,  e contou com o patrocínio da Janssen e parceria estratégica da BIO (Biotechnology Innovation Organization). A conferência reuniu executivos, líderes de diferentes segmentos industriais, pesquisadores e acadêmicos, empreendedores e investidores de todo o mundo para debater tendências e desafios do setor de biotecnologia.

As 15 startups semi-finalistas do programa tiveram a oportunidade de apresentar seus negócios na Arena de Inovação durante todo o dia, e ao final, 10 startups subiram ao palco para apresentarem seus pitches . As 15 startups participantes do evento foram: Signal, RG solutions, ABL Therapeutics, 3DBS, InSitu Terapia Celular, Pro Therapeutics, InNano, Adarna Health Data, ImplantCell, Aya Tech, HelpRemédios, Nanolight diagnóstico, Osiris, Brainn e Biopolix .

Conheça as startups da rodada.

Inseridas no setor de saúde humana, foram apresentadas tecnologias que envolvem desde a bioimpressão a novos alvos terapêuticos para tratamento do câncer de mama. As 10 startups finalistas subiram ao palco e apresentaram seus negócios para uma banca avaliadora de renome, que incluía investidores e representantes de importantes empresas e associações do setor.

As startups surpreenderam ao público em geral pelo alto nível das tecnologias e negócios apresentados. Os premiados foram:

1º lugar: PRO THERAPEUTICS (A empresa oferece um exame para o câncer de mama no qual o resultado indica o fármaco mais adequado para cada paciente, entre aqueles aprovados pelas agências regulatórias. Dessa forma a empresa se posiciona no mercado de medicina personalizada);

2º lugar:  IN SITU TERAPIA CELULAR (Utilizam técnica de impressão 3D para produzir biocurativos contendo células-tronco. Esses biocurativos serão utilizados para tratamento de úlceras crônicas e queimaduras graves);

3º lugar: SIGNAL (A empresa desenvolve fármacos com seletividade funcional, um mecanismo de ação no qual ocorre o bloqueio de vias de sinalização deletérias, mas mantêm ativas vias benéficas; propiciando efeitos terapêuticos com maior eficácia e menos efeitos adversos).

A Biominas, enquanto executora dessa iniciativa, fica feliz com o trabalho e o resultado apresentado pelas startups e, pelo excelente evento.
O envolvimento de vários agentes do ecossistema de inovação e empreendedorismo foi essencial para o sucesso desta iniciativa.

E mais uma vez, a Biominas evidencia o seu papel de catalisador neste ambiente com ações e resultados alinhados à sua missão: criar e promover negócios em ciências da vida!